PLÁSTICA GENGIVAL

Muitas vezes, a gengiva é a principal responsável pela desarmonia do sorriso. A estética “rosa” da gengiva é tão importante quanto a estética dos dentes em si. Tanto o excesso quanto a falta de gengiva afetam o equilíbrio estético.

Uma grande quantidade da gengiva avançando sobre os dentes os deixam parecer menores do que realmente são, inclusive de forma infantilizada. A solução é remover o excesso de tecido sobre os dentes, criando uma nova moldura para a arcada dentária.

Quando há falta de gengiva, o que é chamado de retração gengival, o dente fica com um aspecto desagradável e envelhecido, provocando também a sensibilidade dentária. Nesses casos, utilizam-se enxertos de gengiva com material extraído do próprio paciente, para recobrir novamente o dente com a raiz exposta.

O quanto acrescentar ou remover de gengiva é decidido pelo profissional a partir de uma análise estética digital do sorriso da pessoa, tendo em vista criar a melhor moldura para os dentes. É importante que esse profissional tenha uma ampla visão de outras especialidades e entenda bem de estética do sorriso. Nós temos muita experiência em harmonizar a estética da gengiva com a estética do sorriso.

MARQUE SUA CONSULTA

PLANEJAMENTO DIGITAL DO SORRISO

A Odontologia evoluiu não só para curar e prevenir as doenças bucais, mas principalmente para melhor compreender os anseios de cada paciente, apresentando uma abordagem mais humana, emocional e artística.

O conceito da Arte e a busca pelo “belo” na harmonização, no conjunto de formas, proporções e simetrias inspira nosso trabalho.

Através de uma sequência de fotografias profissionais do sorriso e da face, realizadas em nossa clínica, realizamos o estudo de sua face e, em um software, redesenhamos e redimensionamos o seu sorriso, trazendo o melhor desenho para sua face e sua personalidade. Você verá o resultado final antes mesmo de iniciar o tratamento.

É importante que, para alcançar um resultado efetivo, o seu novo sorriso esteja em harmonia com os seus aspectos físicos e emocionais. Daí surge o equilíbrio e a união entre Ciência e Arte para criar sorrisos únicos e naturais.

MARQUE SUA CONSULTA

CIRURGIA ORAL

A cirurgia oral tem como objetivo o tratamento e a prevenção das desordens relacionadas a dentes e também aos tecidos da boca e da face. Entre os procedimentos cirúrgicos mais comuns, destaca-se a remoção de dentes inclusos.

Cada cirurgia oral é indicada a um diagnóstico específico, avaliado em consulta e através de exames. Agende a sua consulta para obter orientações específicas para o seu caso!

A EXTRAÇÃO DE SISOS DÓI?

A remoção de dentes inclusos (extração de sisos), bem como apicetomias, frenectomias, cirurgias pré-protéticas, enxertos, remoção de lesões orais, bem como todo procedimento cirúrgico, implica certo incômodo. Entretanto, quando a cirurgia é realizada por um especialista, tendo sido o paciente bem instruído e medicado nos períodos pré e pós-operatório, o desconforto é mínimo e passageiro.

POSSO FAZER A CIRURGIA SOB SEDAÇÃO?

Sim. Nós estamos preparados para atender você em procedimentos com sedação. Após criteriosa avaliação do seu caso, basta contratar um médico anestesiologista, que aplica um medicamento sedativo. O paciente entra em estado de profundo relaxamento, sem afetar a respiração ou a resposta física e verbal apropriadas. Este mesmo médico permanece na sala durante todo o procedimento odontológico, monitorando o paciente e acompanhando sua recuperação.

MARQUE SUA CONSULTA

ENDODONTIA – TRATAMENTO DE CANAL

O tratamento de canal mudou!
Técnicas modernas utilizam instrumentação rotatória que tornam o tratamento mais confortável, indolor e rápido. Na maioria dos casos, o tratamento é realizado em apenas uma sessão.

O QUE É O TRATAMENTO DE CANAL?

A endodontia previne e cura as enfermidades da polpa dental, também conhecido como “canal do dente”. O tratamento de canal é indicado em casos de cárie envolvendo a polpa dental (“nervo” do dente), fraturas dentárias, lesões endo-periodontais, necessidades protéticas e outras patologias endodônticas, com o objetivo de manutenção do dente na cavidade bucal.

 

MARQUE SUA CONSULTA

PERIODONTIA – TRATAMENTO DA GENGIVA

O acúmulo de placa bacteriana entre os dentes e a gengiva causa a inflamação dos tecidos gengivais. Tratamentos da causa dessa condição e também preventivos fazem parte da manutenção da saúde da gengiva.

Tratamentos estéticos gengivais também podem ser realizados, envolvendo a correção de recessões gengivais, correção cirúrgica do sorriso gengival, clareamento gengival, entre outras possibilidades.

O QUE É UM TRATAMENTO PERIODONTAL? PERIODONTIA?

É o tratamento da gengiva, indicado para a correção de defeitos estéticos ou para tratar as inflamações. Neste último caso, o acúmulo de placa bacteriana entre os dentes e a gengiva é a causa da inflamação dos tecidos gengivais. O paciente pode perceber isso através de alterações na gengiva, tais como inchaço, cor avermelhada, mau-hálito e sangramento durante a escovação ou uso de fio dental. Ao perceber um desses sintomas, é recomendado que o paciente procure um especialista em tratamento de gengiva, um periodontista. Este profissional irá avaliar a extensão e a gravidade da inflamação. Se não tratada, a pessoa corre o risco de apresentar perda óssea. A eventual progressão desse processo pode acarretar até na perda do dente.

Atualmente, é sabido que problemas de gengiva estão intimamente interligados com diabete, arteriosclerose, obesidade, parto pré-maturo e bebês com baixo peso ao nascer, artrite reumatoide, entre outras condições sistêmicas. Informe-se com um de nossos profissionais.

QUAL A CAUSA DE INFLAMAÇÃO DA GENGIVA?

A doença, seja gengivite (inflamação da gengiva) ou periodontite (inflamação e perda óssea), tem como causa principal o acúmulo de placa bacteriana e tártaro. Tabagismo, diabetes, baixa de resistência do organismo, alterações na oclusão dos dentes, distúrbios hormonais e uso frequente de alguns medicamentos podem estar associados a um maior risco para esta doença.

O tratamento visa eliminar a placa bacteriana e o cálculo dentário – tártaro – através de raspagem e alisamento dos dentes.

MARQUE SUA CONSULTA

PRÓTESE E REABILITAÇÃO ORAL

Nós entendemos como prótese toda e qualquer substituição de dentes, ou parte deles, por algum tipo de trabalho feito em laboratório. Atualmente, existem muitos tipos de trabalhos e materiais restauradores, sendo que, para cada pessoa, podem existir várias indicações e soluções. Os especialistas da clínica irão avaliar o seu caso, com o objetivo de individualizar o seu tratamento. Nós apresentamos as melhores soluções individualmente, respeitando o contexto e as possibilidades de cada pessoa.

O QUE É REABILITAÇÃO ORAL?

A reabilitação oral envolve um conjunto de procedimentos para a reconstrução dental dos pacientes, envolvendo próteses fixas convencionais, próteses sobre implantes, próteses adesivas ou próteses parciais/totais removíveis. Para cada pessoa, é feito um levantamento das necessidades prioritárias e um planejamento para a reabilitação integral do sorriso.

QUAL A DIFERENÇA ENTRE PRÓTESE FIXA E IMPLANTE?

A prótese fixa convencional, ou “ponte fixa”, tem como objetivo principal repor dentes ausentes através do apoio em dentes existentes. Dessa forma, pode haver o desgaste de outros dentes. Já o implante restaura diretamente os dentes perdidos, sem a necessidade de desgaste dos dentes adjacentes. Entretanto, em muitos casos ainda se opta pela reabilitação envolvendo próteses fixas, de acordo com as necessidades de cada pessoa.

COMO É FEITA A HIGIENIZAÇÃO DE UMA PRÓTESE FIXA?

As próteses fixas devem ser higienizadas normalmente com o uso de escova e fio dental. Entretanto, alguns recursos adicionais geralmente são usados. Escovas e fios especiais são orientados para cada caso, assim como instruções de técnicas de escovação específicas. Utilizam-se também equipamentos que emitem jatos pulsativos suaves de água.

MARQUE SUA CONSULTA